casal preparado drink utilizando acessórios para drinks

Acessórios para drinks: confira os 8 melhores para arrasar na bebida

Nada como juntar os amigos para comemorar algum evento especial, confraternizar ou fazer um jantar cheio de descontração, não é mesmo? E nessas ocasiões, os drinks não podem faltar! Ou até mesmo quando, depois de um árduo dia de trabalho, chegamos em casa cansados e só queremos relaxar… Mas será que você está preparado e tem os principais acessórios para drinks?

Ter as bebidas e outros ingredientes básicos, sem dúvida, é essencial. No entanto, não basta juntar os ingredientes aleatoriamente e chacoalhar sua coqueteleira para que você prepare deliciosos drinks. Se você já foi o barman em alguma festa ou reuniãozinha, sabe o que queremos dizer.

Mas não se preocupe: este post vai ajudar bastante! Veja tudo o que você precisa para se munir de acessórios certos e arrasar em seus drinks!

Veja a importância dos acessórios para drinks

Calma, não precisa de curso ou torrar uma fortuna em acessórios para mandar bem no preparo das bebidas. Porém, é muito importante que você tenha em casa alguns itens fundamentais. Afinal, quem não gosta de impressionar e receber muito bem os amigos, fala a verdade?! E, ainda, muitos drinks realmente demandam um preparo bastante específico.

Garanta suas bebidas, diversas frutas e suas receitas sempre à mão. E o mais importante: divirta-se muito! Muitos grupos de amigos ou familiares acabam ficando na mesmice das bebidas por não ter ninguém que saiba prepará-las. Que tal, então, se você for essa pessoa? Comece montando um pequeno espaço dedicado ao preparo das delícias.

Conheça os itens básicos para você fazer a recepção

É fundamental saber que não só ter esses itens, como também utilizá-los corretamente faz toda a diferença. E esse é um dos “mandamentos” básicos no preparo do bom drink. Conheça os principais acessórios para drinks que não podem faltar em seu bar!

 

barman preparando drinks com acessórios para drinks

 

1. Garanta alguns dos principais abridores

Por mais que pareça óbvio falar em abridor, é sempre bom lembrar. Principalmente, se você se mudou de casa há pouco tempo. O trio de acessórios é o básico: abridores de garrafa, de lata e os saca-rolhas. É sempre bom ter mais de um de cada tipo. Afinal, se algum quebrar ou estiver muito velho, não será nada bom na hora da preparação dos drinks!

2. Lembre-se dos super práticos raladores

Outro objeto fundamental entre os acessórios para drinks é o ralador. Há diversos tipos disponíveis no mercado, cada qual com sua finalidade específica. Quando você for fazer as suas bebidas, tenha sempre ao menos um deles.

Os raladores serão muito úteis no preparo de drinks que levam algum ingrediente que deve ser ralado. É o caso da noz-moscada, ou das raspas de cascas de fruta, como as de limão. E você sabe que esses toques finais são realmente um diferencial importante na bebida!

3. Tenha sempre também alguns dosadores

Não tem como preparar seus drinks com perfeição sem ter esse cuidado especial. Portanto, não dá para dispensar o dosador. Há duas espécies de dosador, sendo que um deles é adequado para quarenta mililitros e o outro apresenta duas capacidades diferentes: para trinta e também para cinquenta mililitros.

4. Saiba do que se trata a colher-bailarina

As colheres-bailarina são aquelas colheres com cabos longos e finos. São utilizadas para facilitar a mistura da bebida que é servida em garrafa. Assim, são acessórios para drinks diversos como os mojitos ou as sangrias. Muita gente já utiliza a colher-bailarina, mas não conhece seu nome.

5. Não se esqueça de utilizar um bom coador

Em geral, ao preparar um drink que leva fruta em sua composição, ele fica cheio de bagaços e caroços. Inclusive nas mais clássicas caipirinhas isso acontece. Porém, não é nada legal encontrar uma semente em seu drink! Portanto, lembre-se de garantir o coador em seu bar caseiro.

6. Invista nas coqueteleiras para misturar

É imprescindível que você tenha também uma coqueteleira, ou até mesmo duas. Talvez sejam os instrumentos mais ilustrativos e importantes para o preparo de bons drinks. Você não pode dispensar esses acessórios para drinks que servem para misturar bem os seus ingredientes. Vale dizer que existem modelos que já trazem, dentro deles, coadores que protegem a bebida das sementes!

7. Faça uso do socador em suas caipirinhas

Provavelmente você já preparou uma caipirinha ao menos uma vez em sua vida, certo? Se não preparou, ao menos deve ter tomado alguma. Você sabe então como é crucial, para o seu preparo, o uso dos socadores. Eles são usados para extrair o sumo da fruta em um recipiente adequado, mas também servem para mesclar outros ingredientes.

8. Confira a nossa dica extra: o balde de gelo

Como bônus, aí vai mais um utensílio indispensável para preparar as suas bebidas: o balde de gelo. Também parece óbvio, mas muita gente pode esquecer desse item. Ele garantirá que suas bebidas se mantenham bem refrescantes a qualquer momento.

 

acessórios para drinks: balde de gelo

Adquira os copos ideais para cada tipo de drink

Não se esqueça da taça ideal para os espumantes, assim como as destinadas aos vinhos ou licores. Os copos baixos de uísque são imprescindíveis. Para os shots de destilados, os copinhos certos também. E os highballs, por fim, garantem o charme do drink longo, que leva muito suco em seu preparo.

Fique por dentro das nossas linhas de acessórios

Agora que você conhece os principais itens para suas criações, pode estar se perguntando onde encontrar peças de qualidade? Nós, da La Ville, oferecemos toda a diversidade de acessórios que você pode imaginar. Temos opções para todas as ocasiões que vão muito bem com um bom drink. E, tudo isso, facilmente acessível por meio da nossa loja virtual.

Como você pode ver, preparar bebidas é uma arte. Para que os momentos entre as pessoas queridas sejam ainda mais especiais, faça bem feito. Lembre-se de ter em casa esses acessórios relevantes para drinks e agrade seus convidados! É importante também sempre estar atento à quantidade de ingredientes para que não falte para ninguém.

Que tal? Curtiu conhecer mais sobre o preparo das bebidas e como essa atividade pode ser ainda mais divertida? Esperamos ter ajudado e atiçado sua vontade de juntar o seu pessoal. Confira todo o tipo de acessório para seus drinks em nosso site e boa curtição!

praticidade na cozinha: prateleiras separando os utensílios

Praticidade na cozinha: 7 dicas para otimizar seu tempo

Praticidade na cozinha! Isso é o que toda mulher deseja para otimizar seu tempo. Com a vida muito corrida é fundamental que as coisas do seu dia a dia estejam bem planejadas e organizadas, pois essas duas palavrinhas vão fazer grande diferença na sua rotina.

Vamos dar dicas maravilhosas do que “ter” e “fazer” para que tudo se realize com funcionalidade e seu dia não seja tumultuado. Vamos explicar cada uma, mas para que todo o processo tenha um resultado positivo é necessário adquirir eletrodomésticos e utensílios que são indispensáveis no cotidiano.

Quer ter uma rotina menos estressante? Então, continue lendo e verá que muitos detalhes vão fazer a diferença na sua vida.

1. Otimize seu tempo na cozinha

Planejar é o primeiro passo para que suas atividades aconteçam sem atropelos. É importante que este planejamento ocorra no dia anterior ou há mais tempo, pois em algumas ocasiões é necessário tomar algumas providências e é fundamental que você já tenha em mente tudo que vai cozinhar no dia seguinte, caso precise descongelar e comprar alguns alimentos que não têm em casa.

Uma prática que ajuda muito é fazer relação do que você vai fazer durante o dia e o que vai utilizar para cozinhar. Assim, não se esquece de nada e tudo acontecerá como desejado, sobrando um tempinho a mais para curtir a família e os amigos.

Agora, fique atente-se bem a esta dica: quando for cozinhar, evite deixar para guardar depois produtos e ingredientes utilizados no prato. Colocar tudo no seu devido lugar assim que terminar de usar evita que desorganização da mesa ou bancada e você otimiza seu tempo na hora de limpar!

2. Tenha uma cozinha organizada

Uma cozinha bem arrumada é um grande passo para que sua desenvoltura durante o momento de cozinhar aconteça com mais espontaneidade, mas, para que seja assim, você deve manter cada utensílio que será usado diariamente guardado no devido local.

Os objetos que costumam dar mais problemas são as tampas de panelas e de potes. A dica é ter uma vasilha só para as de potes, enquanto as tampas de panela podem ficar todas juntas em um espaço do armário. Esta dica pode ser estendida a todos os elementos de sua cozinha. Tudo deve estar em seu lugar.

Outra sugestão é organizar os acessórios e vasilhas conforme sua utilização. Utensílios usados com maior frequência devem ficar em uma parte do armário para facilitar o fluxo de uso. Já os de uso mais esporádico devem ser guardados separadamente.

 

praticidade na cozinha: porta utensílios

3. Tenha potes variados

Os potes têm grande utilidade na cozinha, e quase tudo pode ser guardado neles. Existe pote para diversos alimentos: crus, cozidos, para congelar, biscoitos etc. O pote transparente tem a praticidade de o alimento estar visível quando ocorrer a escolha. Aos que vão para o congelador é importante que sejam etiquetados por terem seu tempo de congelamento.

Congelar ou guardar os alimentos separados também ajuda muito. Ao congelar carne, frango, peixe, camarão, feijão cozido para ser temperado e outros, é interessante que sejam guardados na porção em que vão ser cozidos, pois não é saudável que os alimentos sejam descongelados e voltem ao freezer.

Para que todo o processo dê certo é importante adquirir bons equipamentos. Ter uma cozinha com diversidade de utensílios e eletrodomésticos dá uma imensa contribuição nas práticas de quem cozinha com frequência e não pode ficar desperdiçando tempo. Por isso, obter produtos de qualidade também favorece seu trabalho, vamos indicar alguns. Veja!

4. Utilize um mixer para misturas rápidas

O mixer é aquele utensílio, também, para os momentos de emergência, por exemplo, fazer lanches rápidos por causa da chegada de uma visita inesperada e nas atividades simples com sua família. A vantagem desse produto é a praticidade, pois pode ser utilizado na produção de pequenas porções e serve para liquidificar e misturar. É muito utilizado no preparo de sucos, vitaminas, cremes e outros.

5. Adote um processador

Quem deseja praticidade não quer ficar cortando cada legume separadamente, certo? Para proporcionar um alimento cru e saudável, você pode triturar vários legumes juntos, isso não é ótimo? A agilidade que o processador permite é espetacular e facilita seu dia. Ele corta, tritura, emulsifica, mistura bate etc. Enfim, podemos fazer uma diversidade de alimentos com ele: vinagrete, mousses e tantos outros.

6. Utilize panela de pressão

Esse utensílio é um dos maiores facilitadores na cozinha. Qualquer tipo de alimento pode ser feito nessa panela. Desde alimentos mais duros, como carnes, feijão e o que houver necessidade, como também, alimentos de cozimento mais rápido, como, arroz, macarrão e outras gostosuras.

Outra dica é ter dois tamanhos de panela de pressão para essas diferenciações. Um arroz que seria cozido em 15 minutos passa a ser cozido em 5 minutos. Faça assim: após a panela começar a chiar, abaixe o fogo e após 5 minutinhos desligue e espere que a pressão saia naturalmente. Ah! E pode aproveitar para fazer arroz com legumes, fica no ponto e muito nutritivo.

7. Escolha panelas de qualidade

 

praticidade na cozinha: panelas de boa qualidade

 

Você acha que as panelas têm diferença umas das outras no que se refere à qualidade? Têm sim! Umas das melhores são as panelas de aço inoxidável, porque sua confecção é feita de aço inox e alumínio. Para quem prefere dar segurança à família, essas panelas não soltam resíduos nos alimentos.

As melhores marcas têm fundo de tripla camada para acelerar o cozimento e preservar os nutrientes. Após desligar o fogo, elas conservam a temperatura dos alimentos por mais tempo e as tampas têm saída de vapor, por isso, não precisam ser retiradas enquanto estão no fogo.

Logo, para que você tenha um dia mais rentável e sobre um tempinho para se divertir com a família e amigos é necessário colocar em prática tudo o que foi planejado, bem como manter a organização de sua cozinha em dia. Esse contexto dará a você o prazer em estar na sua cozinha para produzir alimentos gostosos e saudáveis e, o melhor de tudo, sem estresse!

Gostou dessas dicas e das sugestões de produtos que podem dar maior praticidade na cozinha? Então, agora é hora de conhecê-los em detalhes e escolher os melhores para você! Acesse aqui nossa loja virtual.

para entender o que é sousplat, uma mesa posta com a elegância que deixa o sousplat

Veja o que é sousplat e como usar na montagem da sua mesa

A apresentação desperta os sentidos! Para isso, criamos este artigo para explicar a você o que é sousplat e como usá-lo para tornar sua mesa encantadora.

Nas próximas linhas, vamos mostrar qual a função desse acessório na montagem da mesa e na decoração. Você conhecerá, também, a diversidade de sousplat e o momento adequado de fazer corretamente o uso em diferentes eventos, como jantares formais, mesas de café da manhã e outras ocasiões finas.

Continue lendo para obter informações que vão deixar a decoração de sua mesa mais funcional e elegante!

Saiba o que é sousplat

O sousplat é originário da França e sua pronúncia é “suplá”, que significa “abaixo do prato”. Ou seja, esse é o local em que ele deve ser colocado. Alguns decoradores consideram o sousplat o item ornamental mais importante de uma mesa.

Trata-se de uma peça muito útil e decorativa, que mede entre 33 a 35 centímetros, e pode ser utilizada em eventos requintados, como casamentos, jantares refinados, buffet etc. Mas, atenção! O sousplat é utilizado apenas em refeições completas, pois a etiqueta exige a presença desse elemento para que em comemorações mais sofisticadas a mesa não fique desguarnecida.

Conheça as funções do sousplat nas montagens das mesas

 

o que é sousplat: mesa posta para receber os amigos

 

Os eventos que têm um nível maior de formalidade exigem apresentações mais glamorosas, o que torna conveniente o uso do sousplat desses momentos. A posição de sua colocação requinta e embeleza todo o ambiente da mesa.

As funções do sousplat são muitas. Veja os benefícios de utilizá-lo:

  • proteger a mesa e a toalha de respingos e gastos de alimentos;
  • evitar o deslize do prato enquanto os alimentos são cortados;
  • ter um indicativo para marcar os lugares para os convidados;
  • guarnecer a mesa durante a troca de pratos;
  • dar glamour às decorações formais.

Veja a diversidade de modelos de sousplat

Existe uma infinidade de sousplat de diversas cores e modelos para diferentes ocasiões. Confira!

Sousplat para café da manhã

O café da manhã é a primeira refeição e inspira a ter um bom dia. Por mais requintada que seja a mesa do café da manhã, o uso do sousplat é proibido, pelo simples motivo de não ser uma “refeição completa”, ou seja, não tem prato de entrada, prato principal e sobremesa.

Cerâmica

O sousplat de cerâmica é charmoso e refinado. São confeccionados para a composição de mesas em eventos que exigem produtos de alto valor, pois a cerâmica proporciona um ambiente glamoroso na mesa. E conheça mais: atualmente os sousplat de cerâmicas estão sendo muito utilizados na ornamentação de paredes, em cima de móveis etc.

Inox

Os sousplat de inox refletem brilho e alguns parecem espelhados, aparência esta que proporciona charme. O uso desse acessório é mais indicado em ocasiões que podem ser utilizados talheres prateados. Fica perfeito para ser usado quando as comemorações ocorrem à noite ou durante o dia, caso o ambiente exija elegância.

Rattan

O Rattan é uma excelente sugestão caso você deseje a decoração de sua mesa com menos formalidade. Rattan é um trançado de fibra natural feito a partir de uma palmeira. É mais indicado para decorações referentes à natureza, tem o seu valor e deixa a decoração com um aspecto mais leve.

Renda

O sousplat rendado demonstra uma ornamentação mais suave. A renda é uma sugestão que pode decorar sua mesa em situações de alimentações completas, mas, apesar de parecer simples, não deve ser usada em refeições de apenas um prato. A renda pode ser de tecido ou plástico, pois esses elementos são de lavagem bem prática.

Crochê

O trabalho artesanal é muito valorizado nas decorações das casas e não tem menos importância nas ornamentações das mesas. O sousplat de crochê pode ser feito de linha ou barbante. Esses itens são utilizados em momentos mais simples, como no dia a dia em almoços informais com familiares e amigos.

O sousplat em sua mesa

 

o que é sousplat: uma mesa da tarde deixando o estilo para a delicadeza do sousplat

 

O sousplat tem uma funcionalidade muito importante na mesa, dessa forma é fundamental que você conheça as técnicas existentes para utilizá-lo. Veja:

Quando usar

Pode ser usado em pratos completos como, a entrada, o prato principal e a ­­­sobremesa, mas não esqueça que ao servir a sobremesa, o sousplat deve ser retirado.

Posicionamento correto

Observe que nesse suporte são colocados somente os pratos. Os talheres, copos ou taças são colocados sobre a mesa ou sobre o jogo americano. A posição que você deve colocar esse item na mesa é de aproximadamente 2,5 centímetros da borda.

Cuidados necessários

Quando os convidados chegarem, o sousplat já deve estar na mesa, mas caso você vá servir pratos montados, esse acessório pode ficar sozinho para marcar o local que cada pessoa vai se sentar. Se os pratos forem servidos de outra forma, eles devem estar sobre o sousplat.

Nas comemorações mais requintadas, a etiqueta ensina que o jogo americano é dispensado e que seja usado apenas o sousplat. Os alimentos, por sua vez, não devem ser colocados no sousplat, e sim nos pratos. Mas, tome cuidado! Caso você vá servir finger food ou petiscos, o sousplat deve ser retirado.

Ao decorar sua mesa escolha sousplats que tenham cores e estilos que combinem com o restante dos elementos que vão estar presentes na ornamentação.

Sousplat e os acessórios

Tendo como referencial o sousplat, para que sua mesa fique totalmente charmosa, é preciso colocar os talheres e os copos nas posições adequadas. O garfo deve ficar à esquerda do sousplat e virado para cima, do lado direito ficam a faca e a colher. A faca fica próxima ao sousplat com a parte cortante para dentro e a colher fica virada para cima à direita da faca. Você pode ter a guarnição como referencial para o posicionamento dos copos e taças, que devem ser colocados do lado direito superior.

Como pôde perceber, a compreensão do que é sousplat e todas as regras de etiqueta em relação ao seu uso é essencial para dar o refinamento desejado à sua mesa. A presença dessa singela peça, por si só, já dá certo glamour à decoração e ajuda a compor uma ornamentação fina. Sem dúvida, seus convidados ficarão admirados com o ambiente, o que melhorará ainda mais a recepção do evento.

Gostou das informações deste post? Então, fique mais um pouco conosco e confira nossas sugestões modernas de uma de sousplats. Passeie agora mesmo por nossa loja virtual!

festa ao ar livre com a família

Como fazer uma festa ao ar livre? 7 coisas que não podem faltar

Fazer uma festa ao ar livre pode ser a melhor maneira de comemorar um momento especial com quem você mais ama. E não são apenas aniversários que podem ser realizados nesses espaços, pois celebrações de noivados e até de casamento ficam ótimas nesse ambiente.

Para que tudo dê certo, o que é preciso elaborar um bom planejamento. No caso do enlace, montar a lista de presentes é só o primeiro passo, pois é necessário se preparar para diversas situações. Mas, com as dicas adequadas, dá para garantir que tudo saia corretamente.

Na sequência, veja 7 coisas que não podem faltar ao planejar uma festa ao livre e consiga os melhores resultados!

1. Tema bem definido

Você sabia que nem toda comemoração desse tipo tem o mesmo tema? Não é porque a celebração é feita ao ar livre que ela tem que trazer uma proposta rústica. Na verdade, há muitas escolhas para fazer e criar algo incrível para cada momento.

Vamos considerar o casamento. Quando essa festa é realizada na praia, pode ter um toque casual ou romântico, por exemplo. Já se for no campo, tem a chance de ser rústico, aconchegante ou até clássico. Uma comemoração de noivado, por outro lado, pode ser temática e até divertida.

O importante é começar com uma definição clara de qual vai ser a mensagem transmitida nessa realização. Pense nas sensações desejadas para cada celebração e, a partir disso, defina quais devem ser as escolhas!

2. Decoração completa

Com o tema decidido, é hora de partir para a decoração da festa ao ar livre. É preciso se preocupar com alguns elementos visuais, como os móveis que serão usados, as flores e até o uso de tecidos.

Para criar algo harmônico, pense nas cores que combinam com a proposta desejada e que ficam melhores nesse ambiente externo. Além disso, é fundamental escolher estampas e padrões que combinem com esses tons.

Não se esqueça de que também é indispensável avaliar todos os elementos de mesa, tanto a de doces e sobremesas, quanto a dos convidados, se for o caso. Considere, por exemplo, os candelabros e as velas, bem como os vasos, centros de mesa e itens que ajudam a compor o visual.

Ainda é necessário pensar na decoração específica das mesas, como com o uso de toalha, sousplat ou jogo americano. Desse jeito, você consegue criar o visual certo para garantir um toque muito mais bonito para a sua realização.

3. Utensílios práticos

Além de bonitas, as mesas e os demais espaços do ambiente devem ser práticos. Especialmente ao falar de comida, é preciso contar com utensílios e que facilitam e favorecem a experiência dos diversos convidados.

Entre os elementos necessários, estão:

A necessidade varia com o cardápio e com a forma de servir cada opção. Assim, pense nas características específicas da sua festa ao ar livre para decidir o que deve estar presente nessa celebração!

 

festa ao ar livre com os amigos de dia

 

4. Cardápio adequado

E, já que o assunto é comida, é essencial planejar o menu com bastante cuidado. O fato de ser ao ar livre, normalmente, direciona as escolhas para comidas práticas, como petiscos, canapés e outras finger foods. No entanto, se quiser algo clássico, também dá para apostar em um buffet completo.

Ao selecionar os sabores, cuide para contemplar todos os convidados. Ter pratos veganos ou vegetarianos é uma excelente alternativa. Se tiver convidados com alguma alergia ou exigência especial, não deixe de pensar neles ao montar o menu.

Em relação às bebidas, é possível investir em opções como vinho branco e/ou tinto, cerveja e chope, drinks alcoólicos e alternativas sem álcool. Água e sucos, por exemplo, são escolhas que atendem a todos os gostos.

Não se esqueça de que, por se tratar de um ambiente externo, é fundamental cuidar da proteção dos alimentos e das bebidas. Garanta que os pratos sensíveis fiquem resfriados e que os quentes tenham a fonte certa de calor. Quanto às bebidas, elas devem ser geladas para que ofereçam uma boa experiência.

5. Conforto para os convidados

O que também não pode faltar é o conforto e o bem-estar para todos os convidados. Por isso, você deve pensar em formas de garantir essas condições, em todos os espaços e momentos da celebração.

É importante ter mesas e cadeiras para todos os convidados, no caso de comemorações com algumas horas de duração ou com buffet completo. Se preferir, também é possível criar lounges e áreas para que todos possam se divertir.

Transforme o ambiente em algo muito acolhedor e que garanta a boa experiência das pessoas. Oferecer sapatos confortáveis, como chinelos, como lembrancinhas deixa todo mundo mais à vontade, por exemplo.

Considere, ainda, a climatização, para que ninguém passe frio ou calor enquanto aproveita esse momento especial da sua vida — mas sobre o clima falaremos adiante.

6. Iluminação e sonorização

Não é porque se trata de uma festa ao ar livre que é necessário se limitar à iluminação natural. Na verdade, é bastante positivo ter um projeto de iluminação para celebrações que entram pela tarde ou mesmo chegam à noite. Ainda que, em parte do período, você aproveite a luz do dia, no restante é indispensável ter o apoio de luzes.

As velas e tochas produzem chama natural e que deixam tudo mais acolhedor. Também dá para investir em cordões de luzes (o famoso pisca-pisca) e em lanternas do tipo oriental. Se quiser dar um toque diferente para a pista de dança, luzes coloridas são bem-vindas.

Por falar nessa animação, cuide da sonorização. Ter uma banda ou um DJ para tocar as melhores músicas é essencial para animar e entreter os convidados. Ainda que não queira ter uma pista de dança, o som ambiente deve ser pensado com bastante carinho.

 

festa ao ar livre com os amigos à noite

 

7. Plano contra imprevistos e clima

Um dos maiores desafios da festa ao ar livre é a natureza. Ao mesmo tempo em que ela dá um charme único à celebração, também é responsável por causar alguns imprevistos. Mesmo ao analisar o clima previamente, talvez você encare chuva, vento ou muito sol. É importante se preparar corretamente!

No caso do calor intenso, pense em espaços com uma boa sombra e até em tendas e guarda-sol para proteger os convidados. Se o problema for a chuva e o vento, aproveitar a área coberta é a melhor saída. Uma estrutura do tipo estufa, inclusive, permite explorar o visual, sem ter que encarar os problemas climáticos.

Monte um plano B para executar caso o tempo não colabore como o previsto e evite aborrecimentos!

Com esses itens que não devem faltar, fazer uma festa ao ar livre deixa de ser um desafio. Basta cuidar de cada um desses elementos para planejar um evento inesquecível!

E se quiser muitas outras dicas e inspirações para a sua organização, curta nossa página no Facebook e nos siga no Instagram!

o que servir no natal: peru de natal para ceia

O que servir no Natal?  Confira várias opções para sua festa!

O Natal é um momento mágico, ocasião em que as famílias se reúnem e as pessoas se tornam mais solidárias e amáveis. A festa é sempre repleta de harmonia e a escolha do cardápio requer atenção. Afinal, tudo deve ser perfeito nesse momento único, não é mesmo? E você, sabe o que servir no Natal?

De fato, as delícias natalinas tornam a festa ainda mais especial e uma boa variação de pratos faz toda a diferença. Contudo, as escolhas não devem se restringir às iguarias principais, precisam começar por boas opções de entradas até as saborosas sobremesas.

Aqui, você vai encontrar algumas boas sugestões. Continue, então, conosco e confira o que servir de entrada, prato principal e sobremesa nesta festa incrível.

Entradas natalinas

As entradas natalinas podem ser desde aquelas delicinhas simples, que não necessitam de nenhum preparo, como queijos variados, azeitonas, castanhas, amendoim, torradinhas com azeite e ervas, até aquelas mais elaboradas — que são as que vamos sugerir aqui para você. Veja!

Espetinho de ovo de codorna com tomate cereja

Ingredientes

  • 10 ovos de codorna;
  • 1 salame;
  • 2 fatias de queijo Gouda;
  • 5 tomates cereja;
  • 1 colher de sopa de maionese;
  • 1 pitada de Orégano;
  • 2 colheres de sopa de molho ketchup;
  • palitos de espeto (para composição da entrada).

Modo de preparo

Cozinhe os ovos e os descasque. Em seguida, corte em rodelas os demais ingredientes, como salame e queijo. Isso pode ser feito com a ajuda de uma forma que tenha o tamanho semelhante ao dos ovos.

Os tomates devem ser cortados em quatro rodelas e os ovinhos, ao meio. Os itens devem ser colocados no palito, começando-se e terminando-se pelo ovo. Por fim, faça um molho com maionese, ketchup, pimenta, sal e orégano. Guarde tudo na geladeira até a hora de servir.

Dica: antes de descascar os ovos, coloque-os em água fria para facilitar o trabalho.

Creme de cream cheese com manjericão

Ingredientes

  • 200 gramas de cream cheese;
  • 100 gramas de manjericão fresco.

Modo de preparo

Enrole as folhas de manjericão e, em uma tábua de corte, pique-as. Após isso, em uma bowl misture as folhas de manjericão picadas ao cream cheese. Mexa bem até formar uma mistura homogênea. Com duas colheres, molde o creme para servir decorado com uma folhinha da planta aromática. Como acompanhamento, sugerimos torradas, grissins e pães.

Ceia de Natal

Os pratos de ceia de Natal são muito tradicionais. Sendo assim, o peru, o chester e o lombo de porco assado são presenças garantidas em qualquer cardápio. Confira nossas sugestões!

Peru de Natal

O peru é um prato tradicional que não pode faltar em uma ceia de Natal. Por isso, sugerimos a você essa receita prática e saborosa. Veja!

Ingredientes

  • 1 peru de 4 a 5 kg;
  • 3 dentes de alho;
  • 1 cebola grande;
  • 1 colher de chá de açafrão;
  • 1 lata de cerveja;
  • 4 colheres de sopa de óleo.

Modo de preparo

Para começar, o peru deve estar descongelado com antecedência.

Bata no liquidificador o óleo com a cebola e o alho, depois junte a cerveja e o açafrão. Com a mistura pronta, tempere o peru e o deixe marinando por cerca de 5 horas. Após isso, cubra-o com papel alumínio e o leve ao forno a 180º graus por 2 horas, em média. Por fim, retire o papel alumínio e deixe no forno até que doure bem.

Quanto à bebida, os vinhos brancos são perfeitos para harmonizar com o peru de Natal.

Chester assado

O chester é outra delícia natalina servida na ceia que já se tornou tradicional. Veja como temperar esse prato delicioso e fazer muito sucesso no Natal.

Ingredientes

  • 1 chester;
  • 1 cs de molho inglês;
  • 2 cebolas grandes;
  • 1 cs de alho;
  • 2 cs de alho picado;
  • manteiga;
  • pimenta-do-reino e sal a gosto.

Modo de preparo

Faça uma mistura com todos os temperos e passe no chester. Depois, recheie seu interior com as cebolas inteiras e deixe tomar gosto por seis horas. Após isso, preaqueça o forno e leve o chester ao fogo coberto com papel de alumínio em uma assadeira com pedaços de manteiga por 40 minutos. Por fim, retire o papel e deixe no forno até que doure bem.

 

o que servir no natal: chester assado

Lombo de porco assado natalício

Ingredientes

  • 1,5 kg de lombo de porco;
  • 4 dentes de alho;
  • 1 cebola média em pedaços;
  • 1/4 de xícara de azeite;
  • 1 e 1/2 colher de chá de sal;
  • 4 folhas de louro;
  • 2 colheres de sopa de suco de limão.

Modo de preparo

Comece fazendo furos na carne (para absorção do tempero). Depois, bata os temperos no processador ou liquidificador e passe por todo o lombo. A seguir, cubra-o com papel alumínio e o leve ao forno pré-aquecido a 200º, por 30 minutos.

Para criar um caldo bem gostoso, enquanto ela estiver assando, adicione ½ xícara de água. Por fim, retire o papel de alumínio, vire o lombo e espere dourar bem, acrescentando sempre água para que não fique seco. Após pronto, corte-o em fatias e sirva com o caldo.

O que servir no natal com o prato principal? As bebidas indicadas para acompanhar o lombo são o vinho Riesling ou o vinho do Porto, que tornam o prato ainda mais saboroso.

Sobremesas de natal

As sobremesas natalinas são um ponto forte da festa. Afinal, quem é que passa o Natal sem rabanadas, não é mesmo? Sendo assim, essa delícia não pode faltar em nossas sugestões. Para harmonizar com as sobremesas, os espumantes doces são os mais indicados, como os Moscatéis.

Rabanada com creme de avelã

Ingredientes

  • pão de rabanada;
  • 1 xícara de leite;
  • 150 gramas de creme de avelã;
  • 150 gramas de doce de leite;
  • 3 ovos;
  • ½ lata de leite condensado;
  • 1 xícara de açúcar refinado;
  • 1 cs de canela em pó;
  • óleo para fritar.

Modo de preparo

Corte o pão em rodelas e reserve. Depois, faça um furo delicadamente com uma faca na lateral de cada pão e, com um saco de confeiteiro, recheie as fatias com doce de leite ou creme de avelã.

A seguir, em uma tigela, misture os ovos, o leite condensado e o leite. Após isso, passe as rodelas de pão nessa mistura e na mistura de açúcar com canela e reserve. Por fim, frite as rabanadas em óleo quente.

 

o que servir no natal: sobremesa caramelizada

 

Doce de abacaxi natalino

Ingredientes

  • 1 abacaxi;
  • 1 xícara de açúcar;
  • 2 caixas de gelatina sabor abacaxi;
  • 1 lata de creme de leite com soro.

Modo de preparo

Descasque o abacaxi e o corte em pedacinhos. Depois, misture os pedaços com o açúcar e em uma panela leve tudo ao fogo. Espere secar todo o líquido que se formar e, então, desligue. Reserve em um recipiente.

Dissolva a gelatina em 250 ml de água fervente e bata no liquidificador com o creme de leite e despeje sobre o doce de abacaxi. Por fim, leve à geladeira e sirva gelado.

Agora que você já sabe o que servir no Natal, pode ir preparando sua festa e incluir essas delícias. Aproveite nossas sugestões e comemore com alegria essa data tão especial!

Gostou deste post? Boas dicas de ceia, não é mesmo? Compartilhe, então, nas suas redes sociais para que seus amigos também aproveitem essas boas ideias.