Afinal, quais as principais tábuas de corte para se ter na cozinha?

tábua de corte

Peça fundamental em qualquer cozinha, a tábua de corte é um item que merece atenção, seja para cortar o churrasco do final de semana ou os legumes do dia a dia. Contudo, se não houver a higienização necessária, elas podem passar de queridinhas a verdadeiras vilãs.

Cada modelo de tábua precisa de um método de limpeza diferente e, para isso, é preciso levar em consideração o tipo de material usado em sua fabricação. Enquanto as de madeira são as mais suscetíveis à contaminação por microrganismos, as de vidro têm limpeza fácil, mas tiram rapidamente o fio das facas.

Para auxiliar você nessa escolha, preparamos este artigo que fala dos prós e contras de cada material e o que você deve considerar ao escolher a sua tábua de corte perfeita quando for cozinhar. Confira e tome a melhor decisão!

Tábua de madeira

A mais comum no mercado é a tábua em madeira e, dependendo do tipo de material usado, o preço pode ser mais acessível. Porém, quanto mais barato, mais mole será a madeira e, assim, mais marcada pela faca ela ficará. E é aí que está o grande perigo: é nessas ranhuras que se alojam as bactérias e microrganismos, e se não houver a higienização necessária, você e sua família podem correr risco de contaminação.

Caso você optar pelas tábuas de corte de madeira, escolha aquelas feitas com material mais denso e resistente, como cedro, muiracatiara, teca, mogno africano e eucalipto. Elas ficam menos marcadas e terão vida útil maior.

De todo modo, é natural que a faca deixe marcas na madeira e, por isso, esse tipo de tábua merece atenção especial quanto à higienização. Dessa forma, o ideal é usar uma solução com cloro ou água sanitária durante sua limpeza, imergindo o utensílio nessa mistura por alguns minutos. Após isso, o aconselhado é deixar a tábua secar totalmente.

Caso você opte por um tipo de madeira mais mole, é importante substituir o item periodicamente. Afinal, a tendência é que, com o passar do tempo, ela fique cada vez mais marcada e isso dificulta sua correta limpeza.

Tábua de plástico

Mais leve e barata, a tábua de plástico se destaca por sua praticidade e beleza. Como é produzida nas mais variadas cores, você pode usar uma de cada cor para determinado alimento. Por exemplo: as vermelhas para carnes, verdes para legumes, amarelas para carnes brancas, brancas para queijos e presuntos, e assim por diante.

O material possibilita uma higienização mais fácil, mas também apresenta ranhuras das facas. E da mesma forma das tábuas de madeira, esses locais podem servir de ponto de acúmulo de bactérias se não houver a limpeza correta. O segredo é o mesmo: use a solução de cloro ou água sanitária, mas com a vantagem que sua secagem ocorre de forma muito mais rápida.

Contudo, fique atento ao material com que elas são feitas. Infelizmente ainda existem alguns modelos que usam plástico tóxico e que podem contaminar seus alimentos. Por isso, dê sempre preferência àquelas produzidas com polipropileno.

Tábua de vidro

Se sua maior preocupação é a higienização, invista na compra de uma tábua de corte de vidro. Feita em material temperado, ela tem resistência e sua limpeza é facilitada, podendo ser realizada apenas com esponja e sabão ou até mesmo na máquina de lavar louça. Além disso, há no mercado inúmeros formatos e modelos, sendo possível ainda a aplicação de um adesivo traseiro para dar um charme e sofisticação.

Porém, nem tudo são flores nesse tipo de material. O seu uso faz com que a faca perca o fio facilmente. Isso ocorre quando a lâmina passa sobre o vidro e exigirá que você tenha sempre à mão um amolador ou lima para garantir o corte sempre perfeito.

Tábua de bambu

tábua de corte de bambu

Coloque a tábua de corte em bambu na sua lista de preferências. Feitas com material ecologicamente correto, elas apresentam ação bactericida natural. E com a ajuda dos avanços da tecnologia, elas ganharam popularidade e beleza e podem ser encontradas em vários formatos, espessuras e tamanhos.

O bambu tem naturalmente um agente que previne a proliferação de bactérias, além de combatê-las. Testes feitos pelo IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) comprovaram que a função bactericida do bambu reduz em até 99,9% a ação de bactérias em um intervalo de 24 horas.

A limpeza pode ser feita usando apenas detergente neutro, espoja e água corrente. Como se trata de uma espécie de madeira, recomenda-se que seu armazenamento seja feito em local arejado e que, a cada seis meses, ela receba uma camada de óleo mineral, que dará mais brilho e longevidade à tábua.

Tábua de mármore

tábua de corte de marmore

Um item que vem ganhando cada vez mais espaço nas cozinhas é a tábua de corte em mármore. Além de dar requinte e sofisticação à sua cozinha, o mármore é de limpeza fácil e, ao contrário do vidro, não tira com tanta facilidade o fio da faca. Esse tipo de material é usado principalmente para cortar frios — como queijos e presuntos — e pode servir inclusive como bandeja para aqueles petiscos com os amigos.

Apesar da praticidade, é mais sensível e requer cuidados extras para não se quebrar. De qualquer forma, é um item a se considerar na hora de decorar sua cozinha.

Listamos até aqui cinco tipos de tábuas de corte, mostrando sua variedade e diversidade de uso. Há no mercado também alguns modelos que unem dois materiais, como a base em madeira e a superfície em mármore, que entrega no mesmo produto a beleza de um e a durabilidade do outro.

É possível ainda ter mais de um tipo de tábua de corte em sua cozinha, permitindo que você possa usar cada uma para um tipo de alimento. Lembramos que cortar a carne crua e posteriormente utilizar o mesmo utensílio para verduras pode causar problemas. Afinal, alimentos crus podem contaminar outros tipos de comida mais facilmente.

Na loja virtual da La Ville você encontra diversos tipos e modelos de tábuas de corte que entregarão exatamente aquilo que você precisa para a sua cozinha. Acesse agora mesmo o nosso site e escolha o melhor modelo!

Saiba como fazer um jardim vertical para melhorar ainda mais a decoração

Saiba como fazer um jardim vertical para melhorar ainda mais a decoração

Com cada vez menos áreas verdes nos centros urbanos, o que pudermos fazer para compensar essa falta será sempre válido, não é? Hoje, vamos sugerir como fazer um jardim vertical em sua casa. Assim, pelo menos você terá uma área verde pertinho para desfrutar.

Para começar, é preciso selecionar as melhores áreas para montar seu jardim vertical. Os melhores locais são aqueles que compartilham períodos de sombras com os de incidência dos raios solares. Principalmente, para as plantas que pedem essa alternância.

Para entender melhor como fazer um jardim vertical em sua casa, continue a leitura!

Use treliças

Com um pequeno espaço disponível na parede de sua varanda, é possível fazer um jardim vertical lindo, utilizando treliças. Você pode escolher uma boa variedade de plantas e dispô-las harmoniosamente.

Trata-se de uma ideia bastante acessível. É possível fazer suas próprias treliças — o que, logicamente, sairá mais barato — ou comprá-las já prontas, em locais que comercializam produtos de jardinagem.

Será preciso saber o tamanho e a largura que mais se encaixe ao espaço que você dispõe. Pronto, é só escolher as plantinhas e os vasinhos, e fixá-los com braçadeiras.

Aproveite uma escada de madeira

como fazer um jardim vertical escada de madeira

Sabe aquela escada velha de madeira, que você já estava até pensando em se desfazer? Saiba que ela pode ser muito útil para um jardim vertical. Aliás, após dar um trato na madeira, fica um charme só. Dá um aspecto retrô e as plantas ainda agregam mais valor ao espaço.

Você utilizará os degraus para colocar os vasos e é só caprichar na escolha das plantinhas. Algumas boas dicas são: cactos, samambaias e suculentas. Procure alternar entre plantas de tamanhos diferentes. Fácil, né? Invista nessa ideia!

Utilize prateleiras

As prateleiras são bem fáceis de serem instaladas e dão um efeito bem legal ao espaço. A vantagem é que essa ideia é bastante utilizada por quem deseja fazer uma horta vertical em casa. Ficam mais acessíveis para pegar o temperinho com facilidade.

Contudo, se você quiser encher suas prateleiras de flores, melhor ainda. O ambiente ficará lindo e alegre.

Use um porta pano de prato

Ter uma horta na cozinha de seu apartamento pode ser uma praticidade, não é mesmo? Na verdade, você só vai precisar de alguns vasos, alguns porta panos de prato e ganchos para que tudo fique perfeito.

Compre mudas de sua preferência e pendure os vasinhos no seu porta panos de prato — aqueles compridos, sabe? Dê uma distância de um para o outro, para que os vasinhos não fiquem muito próximos. Para isso, use ganchos para prender o vaso no porta pano de prato, simples assim.

Conheça as plantas mais indicadas para um jardim vertical

Quanto aos raios solares e os horários de sombra, é preciso analisar o local onde ficará seu jardim e escolher a planta ideal. Veja alguns exemplos:

  • plantas para jardim vertical com bastante sol: flor-canhota, colar-de-pérolas, jiboia, hera-inglesa e aspargo;
  • plantas para jardim vertical semissombreado: antúrio, samambaia, rabo-de-gato, véu-de-noiva, liríope, flor-de-maio e babosa-de-pau.

Saiba os cuidados para ter um jardim vertical em casa

como fazer um jardim vertical apartamento

Quando montar seu jardim, é essencial escolher bem o tipo de plantas, visto que, como falamos, algumas se dão bem com muito sol e outras não. Isso varia de acordo com o espaço disponível. A quantidade de luz e sombra que o local recebe, é primordial para que elas se desenvolvam bem e fiquem bonitas.

Outra dica importante é, sempre que possível, revolver a terra, para que o adubo se espalhe e a planta se desenvolva melhor. Você pode utilizar acessórios, como uma faca ou garfo específicos para a função.

Agora, que você já sabe como fazer um jardim vertical, traga mais verde para a sua vida. Aproveite nossas sugestões e torne sua casa mais bonita e aconchegante!

Gostou de nossas dicas? Então, veja também quais tipos de temperos que não podem faltar na cozinha!

Decoração de praia: saiba o que é essencial para sua casa!

Decoração de praia: saiba o que é essencial para sua casa!

Quem gosta de estar perto do mar sabe o tamanho da paz que o barulhinho das ondas pode transmitir. Por isso, muita gente deseja trazer para dentro de casa a mesma tranquilidade de sua passagem pela praia com uma decoração de praia.

E a decoração é uma ótima maneira de inserir nos seus ambientes preferidos aqueles elementos que geram uma sensação semelhante a estar com os pés na areia e à beira da água do mar

Se você também deseja dar um ar praiano para a sua casa, mas não sabe por onde começar, mantenha a calma. Neste post você poderá ver algumas dicas incríveis. Descubra o que é essencial para criar uma decoração de praia!

Aposte nos tons de azul para uma decoração de praia

Dias ensolarados e um mar azul à sua frente. Geralmente, essa é a primeira imagem que vêm à cabeça quando pensamos na última vez em que estivemos pertinho do oceano. Por isso, para trazer um pouco da praia para a sua casa, usar tons de azul na decoração é uma boa proposta.

O navy é um tom de azul vibrante e muito bonito, que fica incrível na decoração. Se você não quiser usar cores fortes nas paredes, pode investir em almofadas, tapetes e até mesmo na louça.

É possível, ainda, usar várias tonalidades de azul na decoração. Experimente um sofá em azul-claro sobre um tapete azul-marinho, ou combine as cores da roupa de cama em azuis variados.

Harmonize com o branco, para um resultado mais elegante, ou com tons arenosos, para uma composição aconchegante e ainda mais praiana.

Invista em móveis de madeira e bambu

Uma decoração de praia não está completa sem que você tenha nos ambientes alguns móveis de madeira ou bambu. Além de fazer uma referência às deliciosas pousadas à beira-mar, por ser um material natural, a madeira acrescenta conforto e acolhimento ao ambiente.

Pode ser uma mesa de centro, as cadeiras da varanda ou um conjunto de sofá, por exemplo. Dê preferência à peças mais rústicas e em tons naturais. Peças entalhadas podem ser interessantes na decoração, especialmente nas áreas externas.

Outra dica é acrescentar itens em bambu. Nesse caso, você pode investir em peças decorativas, como um sino dos ventos ou móveis trançados. Há muitos trabalhos lindos realizados em bambu que certamente serão responsáveis por conferir um ar praiano na decoração.

Escolha tramas e tecidos naturais

Tecidos naturais são mais confortáveis e permitem que a pele respire melhor. Além disso, os materiais com acabamento menos refinado, como o linho cru, o algodão natural e a fibra de bambu, transmitem uma sensação de conforto e frescor. Isso tudo combina incrivelmente com a decoração praiana.

Por isso, leve para casa peças de roupa de cama, cortinas e estofados com esses materiais. As cores neutras e suaves como o verde-água são ótimas para acentuar aquela sensação de tranquilidade que você deseja para o ambiente.

Acrescente um ar tropical com objetos de decoração

decoração de praia objetos de decoração tropical

Se você quer um ar praiano na sua casa, mas sem fazer nenhuma mudança muito consistente na decoração, a adição de alguns elementos pode funcionar bem. Plantas, peças de palha, artesanatos e conchas são ótimos para dar um ar tropical em qualquer ambiente.

Opte por plantas tropicais e dê preferências a folhagens. Samambaias, coqueiros, cactos e todos os tipos de suculentas são boas escolhas. Além disso, insira objetos artesanais típicos das regiões litorâneas, como cestos, artigos em renda, corda ou palha.

Por fim, aposte nas conchas e estrelas-do-mar. Uma boa dica é posicionar em uma estante ou mesa de centro um pote ou garrafa com várias conchas. Você pode, ainda, usar uma concha maior como item de decoração ou comprar objetos que se assemelhem a elas.

Nos ambientes externos, use quadros de peixes, âncoras e outros elementos marinhos. E não se esqueça de uma rede! Ela pode ser um elemento muito importante e convidativo na sua decoração de praia.

A rede pode ficar na varanda, de frente para a piscina, no jardim ou na área social. O mais importante é que esteja em um lugar que aproveite para se refugiar do estresse da rotina, como você faria nos passeios e descanso na praia.

Experimente estampas alegres e objetos coloridos

Embora a decoração de praia traga uma sensação de tranquilidade e bem-estar, ela deve também reunir um pouco de alegria. Afinal, o litoral é um local de descontração e divertimento. Por isso, os objetos coloridos e estampados podem ser a cereja do bolo no seu design de interiores.

Um conjunto de garrafas coloridas, almofadas estampadas, uma poltrona com estofado multicor e, até mesmo, uma manta ou toalha de mesa podem dar esse toque a mais no ambiente. Listras, folhagens e estampas grandes estão entre as preferidas.

Amarelo, verde, vermelho e laranja são cores que levantam o ambiente e acrescentam uma proposta mais criativa ao projeto.

Entenda um pouco sobre o estilo navy

decoração de praia estilo Navy

Embora o estilo praiano e o navy tenham referências semelhantes, eles guardam diferenças entre si. O navy tem sua origem em torno de 1840 e se popularizou nos anos 1920, quando a estilista Coco Chanel se encantou com o uniforme dos marinheiros da Riviera Francesa.

Suas maiores características são as cores azul, branco e vermelho; as listras horizontais em branco e azul; e os elementos navais, como a corda e a âncora.

Já o estilo praiano é bem mais descontraído e traz como referências a ambientação tranquila do litoral, a simplicidade dos pescadores e a proximidade com a natureza. Por isso, tecidos naturais, folhagens, madeira, bambu e itens artesanais são os principais elementos para seguir essa ideia.

Entretanto, para criar uma decoração de praia na sua casa, é perfeitamente viável juntar os dois estilos. Misture as listras e o tom único de azul a objetos em madeira rústica, folhagens e alguns itens de decoração. Você terá uma proposta visual bem praiana e única, para gerar mais conforto e charme ao seu lar.

É possível criar uma atmosfera tropical com poucos objetos e cores. Basta escolher bem as tonalidades, posicionar alguns objetos característicos, investir nas plantas e acrescentar alguns móveis em madeira e bambu.

Vale, ainda, lembrar que o jardim contribui bastante para uma linda decoração de praia. Escolha plantas típicas do litoral, como a espada-de-São-Jorge e a babosa, assim como coqueiros e palmeiras. Se você não dispõe de muito espaço externo, é possível usar sua varanda ou sacada. Experimente fazer um jardim suspenso com algumas plantas praianas bem típicas, por exemplo. O resultado é um ambiente acolhedor, confortável e relaxante!

Pronto para começar a decorar? Acesse nosso site e descubra muitos itens especiais que ficarão perfeitos na sua decoração praiana.

Afinal, como escolher jogo de sobremesa para surpreender os convidados?

jogo de sobremesa: biscoito recheado

Você serviu aquele jantar impecável e delicioso para as suas visitas e chegou o momento de degustar a sobremesa. Essa é a maneira mais sábia e gostosa de fechar com chave de ouro uma oportunidade especial de confraternização. Contudo, a indecisão na hora de escolher o melhor jogo de sobremesa é até comum, mas isso pode fazer toda a diferença tanto na praticidade quanto na apresentação do prato.

Assim sendo, um jogo de sobremesa bem completo conta com um recipiente grande para colocar o que você preparou para degustar, como tigelas e bowls. Além disso, também há taçaspequenos potinhos, colheres e garfinhos de sobremesa para servir suas visitas com muito requinte, mas de forma rápida e prática.

Em lojas conceituadas do mercado, é possível encontrar um bom jogo de sobremesa com diferentes tipos de materiais que combinam com cada estilo de recepção e de espaço. Preparamos este post para você escolher o modelo ideal, de acordo com suas necessidades. Confira!

Conheça os diferentes materiais

Além do estilo da composição que você deseja criar, outro ponto importante é considerar a resistência e a qualidade das peças. Afinal, você consegue encontrar um bom jogo de sobremesa em muitas variedades de materiais, tais como:

  • cerâmica;
  • porcelana;
  • aço inox;
  • plástico;
  • acrílico;
  • vidro;
  • cristais.

Se você quer puxar seu ambiente para o estilo moderno, não tenha medo de utilizar um jogo de sobremesa de acrílico ou aço inox, por exemplo. Por sua vez, ao pensar em algo mais clássico e tradicional, dê preferência a conjuntos em cerâmica, porcelana, vidro ou cristal, que trazem muita sofisticação e elegância à mesa.

Considere o tipo de evento

Para uma festa mais descontraída em casa, não hesite em utilizar um jogo de sobremesa em acrílico, vidro ou cristal colorido. É possível encontrar opções que contam com formatos diferenciados e até mesmo outros modelos de cores variadas, tudo para levar mais criatividade e alegria à sua composição.

No caso de um evento mais sério, como um almoço ou um jantar de negócios, pense em conjuntos com vidro decorado como opção, ou até mesmo em taças de cristal. Faça uso de modelos com ornamentos trabalhados em toda a extensão das peças, a fim de dar um toque sofisticado e, ao mesmo tempo, mais delicado à sua decoração da mesa.

Observe o desenho e o formato dos itens

Um belo jogo de sobremesa também é protagonista de qualquer evento, assim, ele não deve ser preterido ou desconsiderado. Por isso, é muito importante escolher algum que tenha o desenho e o formato de acordo com a necessidade da sua composição.

Isso porque a variedade de modelos é enorme, e para cada mesa posta existe um conjunto ideal. É possível encontrar jogos com formatos (taças, pratos e bowls) e desenhos diferenciados, como os geométricos, os florais, os pineapples, os bicos de jaca e muitos outros.

Em caso de dúvidas, aposte na nossa dica coringa: use peças brancas. Como são neutras, elas combinam com qualquer estilo e harmonização. Além disso, são bastante elegantes.

Combine o jogo de sobremesa com o restante da decoração

É preciso ter em mente que os componentes do jogo de sobremesa devem apresentar um estilo similar ao que predomina em sua casa. Por exemplo: se o seu tipo de decoração segue uma linha mais romântica, é válido apostar em tons mais sutis, em acabamentos florais e em peças mais delicadas.

Já no caso de uma decoração moderna, adquira peças com estampas diferentes, por exemplo, com figuras geométricas e tons mais intensos e vibrantes.

Por fim, o mais importante é ter atenção para que o acabamento das peças combine com toda a decoração do espaço. Existem tanto jogos muito decorados e coloridos quanto outros mais básicos. Para as ocasiões especiais, prefira os itens diferenciados, sempre em harmonia com o seu estilo e com o restante da ornamentação da mesa.

Tenha criatividade

São muitas as alternativas para montar uma mesa de almoço ou jantar com um belo jogo de sobremesa digno de muitos elogios, explorando ao máximo a sua criatividade. Além de sousplats porta-guardanapos, pense também em arranjos de flores, lanternas, velas e candelabros para enriquecer a composição e deixar o encontro aconchegante e charmoso.

O segredo é combinar acessórios de decoração modernos e de qualidade para que, quando tudo estiver sobre a mesa, o conjunto consiga transmitir uma harmonia, tornando o seu encontro muito mais prazeroso.

Prefira tamanhos menores

É importante termos em casa um jogo de sobremesa grande, mesmo que poucas pessoas morem no local, afinal, nunca sabemos ao certo quantos convidados teremos a chance de receber.

No entanto, para servir os doces, opte por recipientes de tamanhos menores, pois esse detalhe traz delicadeza ao momento, além de aproximar ainda mais as pessoas.

Outra dica é lembrar-se de usar a colher se for servir sorvete, mousse ou salada de frutas. Já se você for oferecer um bolo ou pedaços de frutas em seu menu de sobremesa, deixe garfos à disposição para comê-los.

Dê atenção a essas peças

Para muita gente, um dos grandes prazeres da vida é recepcionar a família e os amigos para uma refeição, uma vez que esse é o momento em que podemos colocar as mãos na massa e preparar os nossos pratos mais saborosos. Nesse cenário, os doces representam uma das grandes paixões da maioria das pessoas. Tortas, bolos, mousses, pavês, sorvetes e pudins são sempre bem-vindos.

Justamente por isso, é essencial que tenhamos à nossa disposição um belo jogo de sobremesa, pronto para servirmos nossos convidados com bom gosto e, sobretudo, com muito estilo. Assim sendo, temos a grande oportunidade de surpreendê-los em nossa recepção e deixá-los com um gostinho de “quero mais”!

No entanto, não devemos pensar em um lindo jogo de sobremesa apenas em eventos promovidos no nosso lar, é importante incluí-lo também em nosso dia a dia. Isso porque uma mesa bem-posta desperta boas vibrações, além de ser um carinho que podemos fazer em nós mesmos e na nossa família.

Nas lojas da La Ville, é possível encontrar uma variedade de peças especialmente desenvolvidas para você, cheias de charme e com preços acessíveis. Acesse agora mesmo o nosso site e conheça alguns de nossos produtos!

4 receitas de bowls saudáveis para fazer em casa

bowls saudáveis

Você já experimentou fazer refeições em bowl? Aquele utensílio multiuso presente em qualquer cozinha. Ele pode ser utilizado no preparo de alguns pratos, para servir uma refeição, misturar ingredientes de receitas ou mesmo armazenar sobras.

Dessa forma, o que não faltam são sugestões preparadas nessas tigelas que ganharam notoriedade e invadiram os espaços gastronômicos. São os também chamados buddha bowls — os bowls saudáveis que a cada dia ganham mais admiradores pela variedade de pratos que oferecem.

Eles permitem o preparo de pratos nutritivos e equilibrados — ricos em fibras, minerais e vitaminas. Ao mesmo tempo, são refeições rápidas que permitem controlar o tamanho de cada porção.

Vamos conhecer algumas receitas de bowls saudáveis? Continue conosco e confira!

1. Smoothie bowl de bananas e morangos

Smoothie bowls saudáveis de bananas e morangos

Mania entre os admiradores de bowls saudáveis, os smoothies misturam vitaminas, minerais, fibras e proteína, que servidos nessas tigelas ganham mais sabor. Confira!

Ingredientes

  • 2 bananas bem maduras;
  • 1 xícara de morangos;
  • ½ abacate;
  • ½ xícara de leite vegetal.

Cobertura

  • frutas variadas;
  • granola;
  • coco ralado.

Modo de fazer

Bata os ingredientes frescos ou congelados em um liquidificador ou processador até que se forme uma pasta cremosa. Para obter uma mistura mais espessa, diminua a quantidade de leite.

Por fim, sirva de imediato no bowl e salpique granola, coco ralado e pequenos pedaços de frutas.

2. Overnight oats com banana, pasta de amendoim e chocolate amargo

Se você ama chocolate e pasta de amendoim, não pode deixar de preparar essa delícia. Veja como!

Ingredientes

  • ½ xícara (chá) de leite;
  • chocolate meio amargo ralado a gosto;
  • 1 colher (sopa) de sementes de chia;
  • 2 colheres (sopa) de aveia;
  • 1 colher (sopa) de pasta de amendoim;
  • ½ colher (sopa) de mel de laranjeira;
  • ½ unidade de banana.

Modo de fazer

Em uma tigela, coloque a aveia, a pasta de amendoim, o mel e o leite. Misture-os bem, tampe e os coloque para gelar por 12 horas (essa mistura pode ficar no máximo 2 dias na geladeira).

Após isso, corte as bananas em fatias e as coloque sobre o creme. Por fim, coloque o chocolate ralado e sirva a seguir em um bowl.

Você pode substituir as bananas ou acrescentar frutas de acordo com sua preferência. Uma sugestão seria trocar o leite comum pelo de coco, ou por outra variedade vegetal.

3. Bowl de salada de folhas com tofu grelhado e quinoa

Para os apaixonados por folhas, esse bowl une a harmonia entre elas e acrescenta outros ingredientes que dão ainda mais vida a essa mistura saudável. Veja a receita!

Ingredientes

  • folhas verdes, como alface, agrião e rúcula;
  • cenoura;
  • quinoa;
  • beterraba;
  • tomate;
  • tofu firme orgânico;
  • pepino;
  • berinjela e abobrinha;
  • azeite de oliva;
  • limão;
  • alho;
  • sal e páprica defumada.

Molho

  • limão;
  • folha de hortelã;
  • azeite;
  • sal.

Modo de fazer

Lave bem as folhas e reserve. Depois raspe a cenoura e a beterraba cruas e corte o tofu em quadrados pequenos, reservando também. Após isso, corte em fatias a berinjela e a abobrinha e as tempere com azeite, sal, alho e páprica defumada. Leve-as a uma assadeira e ao forno por cerca de 20 minutos. Nesse tempo, aproveite para cozinhar a quinoa por 10 minutos.

Por fim, pegue as folhas e as coloque na base do bowl e ajeite o resto dos ingredientes usando a criatividade. Decore-o com gergelim, semente de abóbora ou amêndoas.

Para fazer o molho, é só bater os ingredientes no liquidificador.

4. Bowl de Power Green Smoothie

Bowls saudáveis de Power Green Smoothie

Trata-se de um prato rico em vitaminas e antioxidantes. Excelente para o sistema imunológico e para a saúde como um todo. Veja!

Ingredientes

  • ½ banana congelada;
  • 2 castanhas-do-pará;
  • 1 xícara de couve;
  • ½ xícara de chá de leite vegetal (pode ser de coco);
  • limão;
  • proteína ou colágeno em pó (aumenta a saciedade) — opcionais.

Modo de fazer

Bata tudo no liquidificador, coloque em bowls e enfeite usando sua criatividade. Sirva a seguir!

Como você conferiu neste artigo, é fácil fazer receitas de bowls saudáveis e deliciosas. Aproveite nossas sugestões e mantenha sua alimentação equilibrada e rica em nutrientes.

Gostou deste post? Confira, então, outro conteúdo interessante sobre os benefícios dos sucos para a nossa saúde!