decoração de área de churrasqueira

Decoração de área de churrasqueira: 10 dicas incríveis

Saiba mais
receitas em panela de ferro

Saiba como fazer 3 receitas em panela de ferro

Saiba mais
organização de cozinha

Confira 8 dicas para melhor organização de cozinha

Saiba mais
aromatizar o ambiente oleos

Confira 5 vantagens de aromatizar o ambiente!

Saiba mais
receitas fáceis e baratas pizzas gourmet

6 receitas fáceis e baratas para você fazer em casa

Saiba mais
estilos de decoração cores

Guia completo com os estilos de decoração para você decidir

Saiba mais
harmonização com cerveja alimentos

Como fazer harmonização com cerveja? Descubra aqui!

Saiba mais
café da manhã na cama

Café da manhã na cama: 6 dicas imperdíveis de como fazer

Saiba mais
acessórios de cozinha e formas de organizar

Guia completo: acessórios essenciais para sua cozinha!

Saiba mais
cozinha minimalista pequena,linda, prática e agradável

Cozinha minimalista: 5 dicas de decoração para você adotar!

Saiba mais
decoração de área de churrasqueira

Decoração de área de churrasqueira: 10 dicas incríveis

A decoração de área de churrasqueira requer muita atenção, afinal é parte integrante do espaço gourmet tão valorizado ultimamente, não é mesmo? Trata-se de um ambiente composto por muitos elementos decorativos e funcionais que objetivam tornar o local o mais otimizado e harmonioso possível.

Por isso, para começar, é preciso planejar a decoração, pois trata-se do local onde reunimos amigos e familiares para momentos felizes e descontraídos. Merece, portanto, cuidado e atenção especiais no décor.

Sendo assim, vamos relacionar algumas dicas importantes para tornar esse espaço ainda mais agradável e para que você possa fazer inúmeras reuniões e no final tudo transcorra muito bem. Confira!

1. Cuide para que haja uma área coberta

É fundamental que esse ambiente tenha um espaço coberto, já que mudanças climáticas são muitas vezes imprevisíveis e uma chuva inesperada pode acabar com sua festa. Por isso, ter uma área coberta vai possibilitar que sua reunião continue sem maiores problemas.

Se você não se preparou construindo um espaço em alvenaria e sua churrasqueira está localizada no seu jardim, sem problemas — existem os toldos que podem ser presos em estacas e, assim, resolver esse tipo de situação. Aí, vale usar a criatividade e a imaginação.

Além disso, a parte coberta ou o toldo serve também para proteger seus convidados de temperaturas altas e sol forte e, certamente, os deixarão mais confortáveis.

2. Faça uma decoração de área de churrasqueira multifuncional

Esse espaço onde fica a churrasqueira, também chamado gourmet, deve ter uma decoração multifuncional. Uma boa dica é escolher móveis que tenham múltiplas utilidades, com repartições para guardar objetos e armazenar os alimentos que serão utilizados e tenham rodinhas para serem facilmente removidos etc. O puff é uma alternativa de móvel funcional, que serve para sentar, bem como para apoiar itens.

3. Otimize o espaço

Isso quer dizer que você deve aproveitar todos os espaços, sejam os cantinhos, sejam as áreas não cobertas. Quanto melhor for a otimização desse espaço, mais funcional ele será. Planejar a disposição dos elementos é a melhor forma de otimizar. Se for o caso, opte por objetos menores, com churrasqueiras pequenas, bancos compridos e outras formas de economizar espaço.

4. Não exagere no tamanho e na quantidade dos objetos decorativos

O que você precisa nesse ambiente é espaço e se ocupá-lo com muitos objetos decorativos e ainda grandes, vai desperdiçar sua área útil. Por isso, na hora de escolher vasos, plantas e outros elementos, opte pelos menores e não se exceda na quantidade. Não exagere, o menos é mais nesse caso!

5. Aposte em uma decoração verde

decoração de área de churrasqueira com área verde

As plantas, por mais simples que sejam, decoram qualquer ambiente. Por isso, como já falamos, não ocupe muito espaço com elas, mas distribua-as em locais estratégicos, que ao mesmo tempo que decorem não ocupem tanta área útil.

Se você puder, contrate um paisagista, que saberá fazer isso como ninguém. Existem técnicas de decorar ocupando o mínimo espaço possível com muitos recursos e obtendo resultados surpreendentes. E mais, ele saberá as plantas mais indicadas para esse local.

6. Transforme sua varanda em um espaço gourmet

Se você tem uma varanda grande e quer transformá-la em um espaço gourmet com uma churrasqueira no capricho, dê vida ao local. Um simples espaço pode ganhar personalidade com algumas medidas criativas e um toque de bom gosto.

Mesas, puffs, cadeiras e uma boa churrasqueira já é um bom começo. Depois, outros elementos podem ser incluídos, como mesinhas com rodinhas. E se quiser, conte com a ajuda de um decorador, que pode tornar o ambiente ainda mais atraente.

7. Invista em uma boa churrasqueira

Na maioria das vezes em que há reunião de amigos e/ou familiares, quem brilha na festa é a churrasqueira — afinal é nela que é feito aquele churrasco gostoso, não é mesmo? Por isso, não economize com ela e escolha um bom modelo que possa suprir a necessidade em relação ao número de convidados.

Existem modelos prontos no mercado, mas se seu caso é construir a sua, invista em um bom modelo em alvenaria. Existem tipos com acionamento a gás, carvão e eletricidade; você pode escolher entre o rústico e o moderno, incluindo as fixas e portáteis. Fica a seu critério o melhor modelo.

8. Saiba escolher os itens adequados

Alguns elementos não podem faltar em um espaço gourmet. Por isso, invista em eletrodomésticos, como frigobar, cooktop, adega, chapa, forno, talheres de uma forma geral etc. O objetivo é ter tudo que precisar à sua disposição nesse local, sem a necessidade de buscar as coisas na cozinha de sua casa. Além de tudo, esses itens contribuirão com o décor do ambiente.

9. Informe-se sobre a possibilidade de uma cortina de vidro

decoração de área de churrasqueira com cortina de vidro

Se você mora em um condomínio com varandas enormes, é possível fazer desse espaço uma área gourmet com uma bela churrasqueira para compor o ambiente. Você sabia que pode fechar essa área com cortina de vidro?

No entanto, para isso, é importante consultar o regulamento do condomínio, pois há locais que não permitem o fechamento de varandas, mesmo que seja por meio de vidros transparentes. Essa medida facilita reuniões em dias de muito vento e chuva e quando aberta não impede a circulação do ar. A varanda, na verdade, não perde as suas características.

10. Opte por paredes laváveis

Quando montamos um espaço gourmet é bom que pensemos no lado prático das coisas, como na hora da limpeza. Lembre-se que o uso constante da churrasqueira e de outros utensílios tornam as paredes sujas, gordurosas e nada com utilizar revestimentos laváveis nesses locais.

Existem diversas opções no mercado para que no momento mais chato da festa, que é quando acaba, tudo fique mais simples de ser feito.

A decoração de área de churrasqueira requer todos esses cuidados e medidas para que esse local onde reunimos nossos amigos e familiares se torne o mais agradável possível, concorda? Então aproveite as nossas sugestões e faça desse espaço um ambiente perfeito para seus eventos.

Utilize nossas dicas e torne essa área da casa ainda mais agradável. Assim, poderá fazer inúmeras reuniões e curtir vários momentos inesquecíveis. Mas, não se esqueça de conhecer os produtos para a área de churrasqueira que disponibilizamos para que não falte nada em seus eventos.

receitas em panela de ferro

Saiba como fazer 3 receitas em panela de ferro

Você já experimentou fazer suas receitas em panela de ferro? Sabia que é possível utilizá-la em qualquer tipo de cozimento, como refogar, fritar, selar carnes, entre outros.

Além disso, ela conta com algumas vantagens que justificam alguns chefs de cozinha não abrirem mão desse hábito tão antigo. Dentre elas, podemos relacionar o gosto especial que ela confere aos pratos, a retenção de calor como garantia de um melhor cozimento, a durabilidade e a possibilidade de ir ao forno e ao fogão.

Neste post, você vai conhecer alguns cuidados básicos com essa panela, bem como aprender algumas receitas deliciosas. Continue conosco e confira!

Cuidados com a panela de ferro

Apesar de ser feita de ferro, um material praticamente indestrutível, ela pode enferrujar se alguns cuidados após o uso não forem tomados. Dessa forma, será mais fácil mantê-la por gerações na sua família. Confira os cuidados:

  • retire os alimentos depois de cozinhá-los: eles absorvem alto percentual de mineral;
  • após lavar, seque a panela no fogo: após lavá-la, seque-a ao fogo. Isso evitará que enferruje;
  • guarde-a em um lugar sem umidade: visto que armazená-la em local úmido também pode enferrujá-la;
  • evite usar palha de aço e itens do gênero.

Receitas preparadas em panela de ferro

Qualquer receita ganha mais sabor quando é preparada em panela de ferro. Vamos, então, conhecer alguns pratos que ficam imbatíveis? Veja!

1. Goulash

receitas em panela de ferro: goulash

Ingredientes

  • 1 kg de coxão mole cortado;
  • 4 xícaras de chá de água;
  • 2 tomates sem pele picados;
  • 2 cebolas fatiadas;
  • 1 colher de sopa de farinha de trigo;
  • 2 colheres de sopa de azeite;
  • 2 dentes de alho;
  • ½ xícara de chá de vinho tinto;
  • 1 colher de chá de páprica;
  • sal;
  • 1 tablete de caldo de carne dissolvido na água.

Modo de preparo

Aqueça a panela de ferro e tempere os pedaços de carne com sal e farinha de trigo. Depois, refogue o azeite com a cebola e o alho e, em seguida, refogue a carne até ficar bem dourada.

Aos poucos, acrescente o tomate, o pimentão, o vinho, a páprica e o caldo de carne. Após isso, diminua o fogo e deixe cozinhar por alguns minutos, até que o caldo ganhe mais consistência. Prove e se estiver tudo ok, sirva quente!

2. Carne de panela ao molho ferrugem

receitas em panela de ferro: carne de panela ao molho ferrugem

Ingredientes

  • 1,2 kg de lagarto;
  • 50 g de toucinho defumado;
  • 2 cebolas picadas;
  • 1 cenoura;
  • 1 linguiça calabresa;
  • 2 colheres (sopa) de óleo;
  • tempero verde a gosto;
  • 2 dentes de alho picados;
  • ¼ de xícara (chá) de purê de tomates;
  • ¼ de xícara (chá) de vinho tinto;
  • sal e pimenta a gosto.

Modo de preparo

Com a ajuda de um utensílio, fure a carne e introduza os pedaços de linguiça, de toucinho e o tempero verde. Depois, tempere-a com sal e pimenta do reino.

Aqueça o óleo na panela e doure a carne. Após isso, junte o restante dos ingredientes e refogue tudo em fogo baixo.

Quando começar a secar, regue com água. Vire a carne para que cozinhe uniformemente. O molho, aos poucos, vai se tornando mais consistente e escuro. Seu cozimento leva em torno de 90 minutos. Prove e sirva quente com purê de batatas e arroz.

3. Costelinha de porco

receitas em panela de ferro: costelinha de porco

Ingredientes

  • 1 kg de costela de porco;
  • 2 colheres de sopa de óleo;
  • 1 dente de alho;
  • 1 pimenta de cheiro picada;
  • sal;
  • suco de limão;
  • tomilho;
  • 1 cebola picada.

Modo de preparo

Tempere as costelinhas de véspera com sal, alho, pimenta, limão e tomilho. Deixe descansar na geladeira de um dia para o outro.

Comece aquecendo a panela, depois adicione o óleo e as costelinhas. Refogue e as doure bem. Após isso, diminua o fogo e tampe a panela para que o caldo seque e elas fiquem macias.

Quando começarem a fritar, é hora de adicionar água quente e mantê-las no fogo para secarem. Repita até que fiquem douradas e macias. Por fim, adicione as cebolas e cozinhe mais um pouco. Sirva-as quente com arroz e com outros acompanhamentos de sua preferência!

Como você conferiu neste conteúdo, existem ótimas receitas em panela de ferro. Experimente nossas sugestões e bom apetite!

Gostou deste post? Confira, então, outro texto bem interessante que fala sobre truques culinários!

organização de cozinha

Confira 8 dicas para melhor organização de cozinha

Garantir uma boa organização de cozinha é essencial para manter o “monstrinho da desordem” bem longe de nossa casa. É fato que espaços organizados trazem muitas vantagens, como otimização de tempo, produtividade, conforto e muito mais.

Diante disso, é fundamental que os móveis e eletrodomésticos sejam adequados para esse cômodo da residência, com tamanhos e espaços compatíveis e proporcionais. Da mesma forma, deve haver utensílios suficientes e que estejam organizados e disponíveis sempre que houver necessidade de uso.

Como a cozinha é o local onde, geralmente, a família se reúne para lanches e um delicioso cafezinho, é bom que se mantenha arrumada e aconchegante para esses momentos que não têm preço.

Neste artigo, vamos relacionar algumas sugestões de como manter sua cozinha organizada para tornar as tarefas mais simples e rápidas. Confira!

1. Descarte o que não esteja em uso

Acumular objetos é o maior inimigo da organização de cozinha, concorda? Então, o primeiro passo rumo à ordem é descartar tudo que não está sendo usado. Você verá que surgirá muito espaço para guardar outros itens nesse ambiente.

Comece pelos utensílios que não estejam mais em uso, visto que ao longo do tempo vamos adquirindo outros e, quando nos damos conta, temos muitas panelas e acessórios que só acumulam espaço. Avalie bem o que não utiliza mais e se desfaça do restante.

São panelas, potes de plástico, talheres que já foram substituídos, e você fica com receio de se desfazer. Desapegue e doe tudo.

2. Aproveite bem suas gavetas

organização de cozinha: gavetas arrumadas

Como os armários têm uma média de 3 a 5 gavetas, devemos organizar os utensílios e objetos menores para que fiquem à mão e em ordem. O ideal é que na primeira gaveta fiquem os itens de servir, como garfos, facas e todas as colheres. Adquira aqueles organizadores de talheres — são ótimos e mantêm a gaveta sempre muito bem organizada.

Na segunda gaveta, você pode organizar aqueles utensílios que utilizamos para cozinhar, como colheres, facas, mexedores, escumadeiras, raladores, peneiras, conchas e pegadores.

Reserve a terceira gaveta para panos de prato e, se houver outra gaveta, guarde suas toalhas e outros artigos, como jogos americanos e guardanapos de pano. Uma dica é utilizar organizadores ou divisores para ficar tudo bem organizado.

3. Utilize prateleiras

organização de cozinha: prateleiras

Se há pouco espaço em seus armários de cozinha, uma alternativa para guardar determinados itens são as prateleiras — elas ajudam muito na organização. Além de serem práticas, são de fácil instalação e bem baratas. Você pode escolher entre prateleira de madeira ou vidro, ambas ficam excelentes na cozinha.

Essa alternativa deve ser utilizada de forma comedida para não poluir o ambiente e evitar aquela impressão de cozinha desorganizada. Para isso, escolha locais estratégicos e exponha apenas aqueles itens que contribuam com o décor do espaço.

4. Mantenha na bancada apenas o necessário

Não esqueça que na bancada da pia o menos é mais! Apesar de ser destinada a tarefas culinárias, é comum vermos muitas pessoas utilizarem esse local para armazenar objetos e utensílios. No entanto, essa não é uma boa prática e, na verdade, atrapalha muito na hora de preparar os alimentos.

De fato, bancadas cheias de itens poluem visualmente o ambiente e acabam com o nosso espaço. O ideal é que coloquemos sobre elas o mínimo de itens, como a cafeteira e a torradeira, apenas. Outros objetos devem ser guardados em armários ou prateleiras.

5. Organize a geladeira

 geladeira organizada

Na organização da cozinha, não podemos nos esquecer da geladeira. Ela é indispensável e devemos mantê-la sempre limpa e em ordem. Confira nosso checklist de limpeza e arrumação:

  • esvazie a geladeira;
  • desfaça-se dos alimentos vencidos;
  • misture um pouco de bicarbonato com água em um pano e passe em suas prateleiras, depois passe outro pano com água e sabão neutro;
  • separe todas as verduras e frutas e as coloque na caixa localizada na parte inferior da geladeira;
  • aumente o espaço, mantendo nesse local apenas os alimentos que necessitam de refrigeração. Os demais, acondicione na despensa;
  • utilize potes transparentes para facilitar a visualização do que está sendo guardado, o que vai deixá-la mais organizada.

6. Invista em organizadores e cestos

cestos e organizadores

Seus armários ficam muito mais arrumados com organizadores e cestos. Eles contribuem para um visual mais limpo no interior dos armários e facilitam que você encontre tudo que procurar na maior tranquilidade. Aquele aspecto de tudo empilhado dentro do móvel acaba quando você opta por esses itens práticos.

Podemos encontrar diversos tipos de organizadores no mercado, como os de metal, aramados e de plástico. Podemos também improvisar arrumações dentro do armário, fazendo uso, por exemplo, de escorredores de pratos.

7. Organize seus potes

Não há nada mais complicado que manter nossos adoráveis potes bem organizados na cozinha, não é? Vira e mexe, ficamos atônitos em busca da tampa de algum deles. Mas existe, sim, uma forma de organizá-los.

Para isso, você deve manter apenas os que contam com suas respectivas tampas e descartar o resto. Para guardá-los, organize-os, encaixando-os por tamanho e coloque todas as tampas em um porta-tampas apropriado.

8. Mantenha à mão os itens mais usados na cozinha

organização de cozinha: cozinha clean

Por fim, para tornar sua cozinha ainda mais prática, mantenha os itens utilizados com frequência por perto. Itens pesados, como batedeira, liquidificador e torradeira, devem ficar em um armário inferior, para evitar quedas.

Mantenha a cafeteira sobre a bancada ou em um carrinho próximo a ela — já que um cafezinho é sempre bem-vindo em qualquer hora do dia.

Como você conferiu neste conteúdo, é possível — com algumas boas medidas — manter a organização de cozinha. Para isso, envolva todos em sua casa para esse desafio, afinal para bons resultados são necessárias a participação e colaboração da família inteira.

Gostou deste post? O que acha, então, de começar hoje mesmo a implementar essas dicas de arrumação nesse cômodo de sua casa? Não se esqueça, porém, de fazer uma visita ao nosso site e conferir os itens que disponibilizamos para nossos clientes que ajudarão bastante a tornar sua cozinha mais prática e bonita!

aromatizar o ambiente oleos

Confira 5 vantagens de aromatizar o ambiente!

Você sabia que aromatizar o ambiente pode trazer boas energias para sua casa? Os óleos essenciais — substâncias extraídas das plantas — contam com propriedades que proporcionam equilíbrio entre mente, corpo e espírito. Além disso, atuam como um método terapêutico, indicado para diversos problemas.

A aromaterapia promove melhorias em alguns aspectos, como da qualidade do sono, redução da ansiedade e estresse. Ela utiliza os óleos essenciais com seus aromas específicos de variadas formas, como por meio de velas, incenso, inalação, spray, óleos de imersão, sabonetes, entre outros.

Quer saber mais sobre aromatizar o ambiente, bem como os seus benefícios para a saúde? Continue a leitura e confira!

O que é aromaterapia?

A aromaterapia é uma técnica natural que age complementando outros tratamentos indicados pela alopatia e homeopatia. O método utiliza o aroma como base para sua atuação, e isso é obtido por meio dos óleos essenciais, que liberam partículas para estimular várias regiões do cérebro.

Diminuição dos sintomas de depressão e ansiedade, insônia, asma e resfriado, bem como promover o bem-estar e fortalecer o sistema imunológico são suas principais ações no organismo.

O que são óleos essenciais?

aromatizar o ambiente com óleos essenciais

Os óleos essenciais são compostos de origem vegetal, sintetizados e liberados pelas plantas. Caracterizam-se por apresentar aroma forte e são utilizados em três gêneros de produtos: medicamentos, perfumaria e alimentícios.

Atuam de várias maneiras no organismo, podendo ser inalados, aplicados na pele e no ambiente. Cada óleo essencial tem uma área de atuação específica, de modo que é importante se atentar às suas propriedades, já que para cada objetivo, há uma indicação.

Qual o principal objetivo da aromaterapia?

Manter o equilíbrio entre corpo e mente é a maior finalidade da aromaterapia, que pode atuar em três áreas principais.

  • dermatológica: objetiva atuar em problemas de unhas, pele e cabelo, como quedas de fios, micoses, hematomas, feridas, além de agir esteticamente, diminuindo a celulite, estrias e desidratação da pele;
  • aromacológica: alguns óleos contam com ação estimulante, trazendo segurança, relaxamento, autoestima, criatividade e bom humor;
  • terapêutica: atua como medicina alternativa para diversas doenças e desordens.

De que forma podemos utilizar a aromaterapia?

A aromaterapia pode ser utilizada de variadas formas, como por ingestão, em cremes de massagens, inalações, banhos de imersão, compressas, velas, sabonetes, spray, entre outros.

No entanto, para terapia por meio de ingestão e aplicação na pele, é bom que se consulte um especialista para uma indicação adequada, visto que, na maioria dos casos, os produtos devem ser diluídos.

Quais as vantagens de aromatizar o ambiente?

aromatizar o ambiente e ficar mais tranquila em casa

Existem diversos benefícios presentes na aromaterapia. Cada aroma é responsável por ativar um efeito diferenciado no organismo. Para saber qual é a vela de aromaterapia mais adequada, temos que conhecer as nossas necessidades! Confira.

1. Relaxamento e diminuição do estresse

Para esses resultados, utiliza-se a lavanda, que provoca um efeito antiestresse e relaxante, além de uma diminuição na pressão arterial e nos batimentos cardíacos — principalmente quando usado em difusão aérea.

É o principal óleo essencial em massagens para relaxar, aliviando dores musculares devido ao potencial anti-inflamatório e analgésico.

2. Equilíbrio hormonal

Para esse benefício, o gerânio é o óleo essencial mais indicado. Ele age sobre a dinâmica hormonal, trazendo equilíbrio de estrogênio e progesterona. Assim, diminui os sentimentos de tristeza e as instabilidades de humor, principalmente na tensão pré-menstrual e na menopausa.

3. Estímulo da criatividade

Para melhorar nossa capacidade de organizar pensamentos e estimular a criatividade, o óleo de lemongrass (capim-limão) é uma excelente opção. Esse óleo tem também um alto poder de melhorar as energias do ambiente.

4. Mais alegria ao ambiente

O óleo Citrus aurantium dulcis é extraído da casca da laranja. Conhecido por muitos aromaterapeutas como happy oil. Os aromas cítricos, de forma geral, estimulam esse astral de alegria. Ele também é utilizado nos tratamentos de depressão.

5. Estimulação da memória

O alecrim tem um efeito estimulante sobre a memória, combatendo a fadiga mental e incitando a atividade cerebral. Ajuda a encarar situações de pressão e mudanças importantes que ocorrem na vida, assim como lidar com o medo e a insegurança.

Confira alguns óleos essenciais e suas ações no organismo.

  • alecrim: dificuldade de concentração, cansaço mental, falta de memória, dor de cabeça, enxaqueca, dores articulares e dores musculares;
  • canela: dores de cabeça, tonturas, cansaço físico ou mental, irritabilidade, falta de concentração, dificuldade para relaxar e cólicas menstruais;
  • jasmim: excesso de estresse, diminuição da libido, problemas respiratórios, depressão e tensão muscular;
  • bergamota: excesso de estresse, ansiedade, má digestão, depressão e infecções da pele;
  • camomila: tensão muscular, excesso de estresse, depressão e inflamação do sistema urinário;
  • eucalipto: problemas respiratórios, enxaqueca, febre, dores musculares e tensão muscular;
  • limão: falta de concentração, dor de cabeça, ansiedade, excesso de estresse, falta de energia, sistema imune enfraquecido, má digestão e febre;
  • sândalo: dor no peito, diminuição da libido, excesso de estresse e tensão muscular;
  • ilangue-ilangue: dor de cabeça, ansiedade, excesso de estresse, náuseas, pressão alta, problemas intestinais.

Quais os aromas indicados para cada cômodo da casa?

aromatizar o ambiente deixando sua casa com energia leve

Pode ser bem interessante começar a aromatizar o ambiente de cada cômodo da casa com fragrâncias específicas por meio de velas, sprays e difusores. Além disso, você estará contribuindo com a decoração de sua casa.

As velas, dependendo do tipo, decoram o ambiente. Existem modelos lindos de castiçais que, se colocados em locais estratégicos, dão personalidade ao décor. Confira, abaixo, os aromas indicados para cada cômodo!

Sala

Para esse local onde recebemos visitas, os aromas mais indicados devem ser alegres, como o alecrim. Contudo, para uma sala de estar mais convidativa o ideal é o aroma de rosa.

Cozinha

Para a cozinha, que na maioria das vezes frequentamos para fazer um lanche, uma refeição ou tomar um café, o ideal é utilizar fragrâncias cítricas, visto que estimulam o apetite.

Quarto

O quarto é o ambiente da casa onde podemos dormir, ler ou namorar. Por isso, se você quiser tornar suas noites mais românticas, use sândalo, lavanda ou laranja. Se, no entanto, for o caso de apenas querer descansar e dormir, as mais indicadas são jasmim e patchouli.

Banheiro

Para esse ambiente, os aromas mais indicados são aqueles relacionados à limpeza, como o eucalipto e a citronela.

Escritório

Para aromatizar o ambiente em que a concentração e o foco são essenciais, limão e tangerina são as fragrâncias mais indicadas.

Área externa

Em ambientes onde há muita ventilação, o ideal é um aroma mais forte, como a citronela. Ela, inclusive, tem ação repelente contra insetos.

Como você conferiu neste artigo, aromatizar o ambiente pode trazer benefícios para a mente e o corpo. Aplique, então, essas sugestões no seu dia a dia para conquistar mais tranquilidade e saúde.

Gostou do post? Então aproveite a visita e acesse o nosso site para conferir alguns de nossos produtos!

receitas fáceis e baratas pizzas gourmet

6 receitas fáceis e baratas para você fazer em casa

Para muitos, cozinhar é uma terapia, ainda mais quando se fala em receitas fáceis e baratas. De fato, é relaxante quando nos desligamos de tudo e nos concentramos em uma tarefa simples e que nos proporciona prazer — como ocorre quando cozinhamos — não é mesmo? Afinal, quem não gosta de saborear um lanche gostoso, ainda mais quando é feito por nós?

Neste artigo, você vai ter acesso a receitas simples, bem em conta, e ainda mais saborosíssimas. São doces e salgados bem práticos de fazer e com ingredientes acessíveis.

Confira, então, nossa seleção de receitas fáceis e baratas, mas que dão muita água na boca! Continue conosco e anime-se!!

1. Bolo mesclado de chocolate com baunilha

receitas fáceis e baratas: Bolo mesclado de chocolate com baunilha

Ingredientes

  • 4 colheres de sopa de margarina;
  • 3 ovos;
  • 2 xícaras de açúcar;
  • 3 xícaras de farinha de trigo;
  • 1 xícara de leite;
  • 1 pitada de sal;
  • 1 colher de sopa de fermento químico;
  • 1 colher de sopa rasa de essência de baunilha;
  • 5 colheres de sopa de chocolate em pó ou achocolatado.

Modo de fazer

Em uma tigela, misture a margarina, o açúcar e os ovos até formar um creme. Depois, adicione aos poucos o leite e a farinha de trigo, intercalando entre um e outro ingrediente. Na sequência, adicione a baunilha e bata bastante — pode ser à mão ou na batedeira — até formarem bolhas. Por fim, adicione o fermento, sem bater, apenas misturando suavemente.

Unte uma forma grande (com buraco no meio) com margarina e farinha de trigo. Coloque então parte da massa na forma, deixando um pouco (bem pouco) para misturá-la ao achocolatado. Por fim, coloque por cima a massa misturada ao chocolate em pó — assim, o bolo ficará mesclado.

Leve ao forno pré-aquecido e mantenha por cerca de 50 minutos, faça o teste do palito: introduza um palito no bolo e se ele sair seco, já estará pronto.

2. Fricassê de frango

receitas fáceis e baratas: Fricassê de frango

Ingredientes

  • 1 lata de milho verde;
  • 1 copo de requeijão cremoso;
  • 1 lata de creme de leite;
  • 100 gramas de batata palha;
  • 100 gramas de azeitonas sem caroços;
  • 2 peitos de frango cozidos e desfiados;
  • 1 xícara de água;
  • 1 pitada de sal.

Modo de fazer

Cozinhe o frango, desfie e reserve. Adicione no liquidificador o requeijão, o creme de leite, o milho cozido escorrido e a água. Bata bem até que a consistência esteja cremosa.

Em seguida, leve o frango desfiado com o creme batido no liquidificador, acrescente as azeitonas e o sal até obter uma consistência firme.

Despeje em uma assadeira e cubra com muçarela até derreter bem. Por fim, cubra toda a tigela com batata palha. Sirva quente!

3. Pizza de atum com muçarela

receitas fáceis e baratas: Pizza de atum com muçarela

Massa

  • 3 xícaras de farinha de trigo;
  • 2 colheres de sopa de margarina;
  • 4 colheres de sopa de óleo;
  • 1 xícara de leite;
  • 1 colher de sopa de fermento químico;
  • sal a gosto.

Modo de fazer

Para preparar a massa, misture todos os ingredientes e aos poucos ela ficará bem maleável e não grudará nas mãos. Se não estiver com essa consistência, acrescente um pouco mais de farinha. Em seguida, é só colocá-la em uma forma de pizza e esticá-la até que a preencha por inteiro.

Cobertura

  • 1 lata de atum;
  • 1 cebola;
  • 3 dentes de alho;
  • molho de tomate;
  • orégano.

Modo de fazer

Em uma panela, refogue o alho com a cebola, dourando bem. Depois, acrescente o atum e deixe fritar um pouco. Por fim, acrescente o molho de tomate e deixe no fogo para incorporar o sabor. Coloque essa cobertura sobre a massa e finalize com muçarela e orégano por cima.

4. Palha italiana

receitas fáceis e baratas: Palha italiana

Ingredientes

  • 1 lata de leite condensado;
  • ½ colher de sopa de margarina;
  • 8 colheres de sopa de chocolate;
  • 1 pacote de biscoite de maisena.

Modo de fazer

Parta o biscoito em pedaços pequenos e reserve. Depois, com o leite condensado, o chocolate e a margarina, faça um brigadeiro tradicional. Quando já estiver no ponto (desgrudando da panela), mas ainda em fogo baixo, despeje o biscoito picado e misture bem até ficar uma massa homogênea.

Em seguida, unte uma superfície lisa da cozinha com margarina ou manteiga (podendo até ser a bancada da pia, limpa e seca) e despeje toda a massa sobre ela. Depois, estique até que ela fique na espessura que você deseja. Espere secar e corte em quadrados. Para finalizar, salpique os quadrados com açúcar de confeiteiro.

5. Canjica Tradicional

receitas fáceis e baratas: canjica tradicional

Ingredientes

  • 500 gramas de canjica cozida;
  • 500 ml de leite;
  • ¼ xícara de chá de água;
  • 1 xícara de chá de açúcar;
  • 5 colheres de sopa de coco ralado;
  • 1 colher de sopa de amido de milho;
  • canela em pó;
  • 6 cravos e uma canela em pau.

Modo de fazer

Em uma panela, adicione a canjica cozida, o leite, os cravos e a canela. Depois, mexa bem e espere levantar fervura. Logo, adicione os demais ingredientes, como o açúcar, o coco e o amido diluído em ¼ de xícara de água.

Mantenha a panela em fogo baixo, mexendo sempre até que fique na consistência ideal. Sirva a canjica quente ou fria e salpique canela em pó a gosto.

6. Arroz doce de caneca

receitas fáceis e baratas: Arroz doce de caneca

Ingredientes

  • 3 colheres de sopa de arroz;
  • 6 colheres de sopa de água;
  • 4 colheres de sopa de leite;
  • 2 colheres de sopa de leite condensado;
  • canela a gosto.

Modo de fazer

Em uma caneca, coloque o arroz e a água e tampe com filme plástico. Faça furos no plástico com um garfo. Depois, coloque no micro-ondas por cerca de 6 minutos — depende da potência de cada aparelho.

Retire a caneca do micro-ondas, remova o plástico com cuidado e adicione o restante dos ingredientes. Em seguida, volte a caneca ao aparelho e deixe por mais 2 minutos, em média.

Prontinho! Receitas fáceis e baratas, não é mesmo? O que acha então de aproveitar seu primeiro tempo livre e fazer algumas dessas gostosuras? Todos em sua casa vão amar!

Gostou deste conteúdo? Então, que tal compartilhar este post nas suas redes sociais e garantir que seus amigos também tenham acesso a essas receitas!