preparando um churrasco para seus amigos: como fazer churrasco

Preferido pela maioria dos brasileiros e conhecido como uma das paixões nacionais, o tradicional churrasco gaúcho é sempre um motivo saboroso para reunir amigos e familiares. As deliciosas carnes regadas a uma boa cerveja se tornam um convite irresistível. É difícil negar, não é mesmo?

No entanto, nem todos sabem como fazer churrasco. Existem, na verdade, alguns cuidados na hora do preparo dos cortes. Não bastam as carnes, a churrasqueira, as grelhas e os espetos. Existem os temperos, a escolha correta dos cortes, os acompanhamentos e outras dicas importantes para quem deseja sucesso.

Neste post, você vai saber alguns segredos importantes no preparo de um churrasco invejável! Afinal, você quer ou não arrasar? Continue a leitura e confira!

Como preparar a churrasqueira?

 

como fazer churrasco churrasqueira vendida na La Ville

 

Para você forrar a churrasqueira, que deve estar limpa, pegue um pacote de carvão de 5 kg e disponha parte dele em forma de pirâmide (para que você tenha opções de temperatura). Depois, molhe papéis com álcool e vá encaixando — faça um caminho com eles de forma que toquem a maioria dos carvões, depois acenda com fósforo (tenha cuidado e não fique muito perto).

Essa é a forma mais tradicional de acender a churrasqueira. No entanto, existe o acendedor de churrasqueira, que é mais prático e não oferece muitos riscos, tendo em vista que não cria aquelas labaredas e deixa tudo mais uniforme. Quem não tem o item, não ficará sem o churrasco, certamente recorrerá ao álcool líquido (90% de volume alcoólico), embebendo-o no papel.

Quando o carvão estiver em brasa, complete com o resto do pacote. A dica de manter níveis diferentes de altura facilitará o preparo: nível de carvão mais alto para dourar a carne e o nível mais baixo para cozinhá-la lentamente.

Para checar se a temperatura está boa, coloque sua mão a uns 15 cm de distância da grelha, permaneça com ela e conte até 5. Se tirar a mão antes desse tempo, a temperatura está muito quente, se continuar depois dos 5, a brasa está fria. Para baixar o fogo, dê sempre preferência às cinzas do carvão.

Como escolher os melhores cortes?

Apesar de a carne ser deliciosa em sua maioria, existem cortes ideais para o churrasco que tradicionalmente não podem faltar. Confira!

Picanha

É a mais solicitada nos churrascos. É uma carne suculenta e com sabor indescritível. Seu tempero é tradicionalmente o sal grosso, entretanto, alguns ousam usar outros temperos, como pimenta do reino e alho. A boa picanha deve ser selada na grelha mais baixa por alguns minutos, isso fará com que ela retenha o suco. Depois é só subir a carne para que asse no ponto desejado.

Fraldinha

É uma carne conhecida por ser uma opção leve, tendo em vista que possui baixa concentração de gordura e, por isso, uma excelente opção para quem deseja consumir poucas calorias. Tem como característica corte pequeno e fibras longas. As peças são geralmente assadas inteiras.

Maminha

É considerada uma carne magra, pois entre suas fibras não há muita gordura. No entanto, para que fique deliciosa e macia no churrasco, não deve ser retirada sua capa de gordura, que tem um paladar indescritível. Para servi-la, corte em fatias contra as fibras da carne.

Costela

Com um sabor magnífico, a costela pode ser de boi ou de porco. Suas fibras são grossas e compridas e, por isso, leva mais tempo na brasa. Pode ser temperada com sal grosso ou com outros temperos mais elaborados.

Contrafilé

Trata-se de uma carne, geralmente, servida mal passada, pois é bem macia e com excelente sabor quando está sangrando. Pode ser feita em bifes grossos ou inteira, mas é importante que tenha a capa de gordura para garantir a sua maciez.

Alcatra

É uma boa opção para churrasco. Apesar de ter menos gordura que a picanha, é também muito saborosa. Pode ser preparada na grelha, mas é necessário atenção para que não passe do ponto, o tempo é em média 20 minutos.

Confira abaixo algumas dicas de preparo:

  • nunca compre cortes congelados, pois a carne precisa ter a coloração vermelho-vivo e também uma camada de gordura de cerca de 1 dedo de espessura — isso a manterá irrigada e garantirá mais sabor;
  • linguiças — escolha as mais coradas;
  • frango — o consumo deve ser logo após sair da grelha, pois tende a ficar ressecado.
  • calcula-se cerca de 600g por adulto e, por criança de até 7 anos, em média, 200 g. Do total dos adultos podemos dividir da seguinte forma: 400g de carnes variadas, 150g linguiça e 50g de frango.

Quais itens essenciais não podem faltar no preparo do churrasco?

Faça previamente uma lista dos utensílios, temperos e demais itens que serão utilizados no churrasco. Confira nossa lista básica:

Como temperar a carne?

 

como fazer churrasco, varios cortes, carnes e legumes

 

As carnes bovinas são temperadas preferencialmente com sal grosso, que deve ser espalhado na carne e na gordura instantes antes de levá-la à churrasqueira. Assim, a absorção de sal será a mais adequada e não haverá perda de água. Em pedaços menores, use o sal triturado ou em grãos menores.

Em carnes de porco, costela, cordeiro e frango pode haver variação no tipo de tempero, como pimenta, ervas finas, limão, alho, entre outros.

Como assar os cortes?

Para quem ainda não sabe como fazer churrasco, vamos ensinar algumas regras básicas. Confira:

  • espere o fogo estabilizar. Nunca jogue água sobre ele para conter as labaredas, isso fará com que a churrasqueira perca o calor, comprometendo o ponto da carne;
  • com a ajuda de um espeto, espalhe o carvão. Disponha a carne na grelha ou coloque no espeto e asse. Assim que perceber um suco sobre ela, vire! Quando aparecer do outro lado é sinal de que está pronta;
  • mantenha o espeto a 40 cm do fogo, dessa forma evitará que ela resseque;
  • outra dica para evitar que as carnes ressequem é colocá-las por um tempo curto bem próximas à brasa, para que sejam seladas. Depois, suba-as novamente e deixe-as assando até que fiquem no ponto preferido.

Quais os acompanhamentos, bebidas e sobremesas em um churrasco?

Os acompanhamentos mais vistos em churrascos são: arroz, farofa, vinagrete e saladas. As bebidas, por sua vez, são bem variadas, como cervejas, sucos, refrigerantes, água e caipirinha. As sobremesas ficam a critério de quem dá a festa, mas geralmente são sorvetes e frutas.

Agora que você já sabe como fazer churrasco, vai saber também como é possível variar e tornar o cardápio ainda mais charmoso. O churrasco possibilita modificações nas escolhas, tais como incluir o bacon, que é uma carne gordurosa e fica uma delícia como aperitivo. Outras sugestões são linguiça calabresa, pão de alho e legumes como berinjela, abobrinha e pimentão regadas ao azeite e um pouco de sal. Experimente!

Gostou deste post sobre como fazer churrasco? Continue a visita e leia também o artigo: “5 tipos de saladas para a sua dieta ou churrasco em casa”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *